quarta-feira, 21 de abril de 2010

Para vencer a celulite, mude seus hábitos!

Na guerra contra a celulite, é preciso pegar pesado e atacar de todas as formas possíveis. Não é uma batalha fácil, mas é possível obter grandes resultados. É claro, alguns tratamentos podem pesar no bolso, mas existem medidas que todos podem e devem praticar, pela melhora da celulite e para ganhar muito mais saúde.

Qualquer que seja o estágio da celulite e antes de pensar em qualquer tratamento clínico ou cosmético, é preciso mudar o estilo de vida.
Acerte a alimentação

Alguns pecados à mesa, a falta de apetite e o estresse podem agravar a celulite. Comer amido, gorduras e açúcares em excesso aumenta o peso, interferindo diretamente no estado da celulite.

Procure adotar uma dieta equilibrada, pouco calórica, rica em nutrientes, com baixo teor de gorduras e pouco sal. As refeições devem ser divididas com os seguintes alimentos:

* CONSTRUTORES: Carnes, leites e derivados, ovos, feijões e grãos suprem o corpo de proteínas e cálcio, básicos para o funcionamento dos órgãos vitais e renovação celular. O ideal é comer duas porções de carne e de laticínios desnatados por dia. Exemplo: 150 g de carne vermelha magra; 150 de peixe ou frango; 200 ml de leite e 2 fatias de ricota.
* ENERGÉTICOS: Carboidratos (cereais e batata) e gorduras (manteiga e óleos de oliva, canola e soja) respondem pela força e energia do corpo. Por dia consuma cinco porções de carboidratos e uma porção de gordura. Exemplo: 1 barra de cereais; 2 colheres (sopa) de arroz integral; 1 pão francês; 1 batata média; 1 gelatina e 1/2 colher (sopa) de azeite de oliva.
* REGULADORES: Frutas, verduras e legumes, ricos em vitaminas, sais minerais, fibras e água, ajudam na absorção de nutrientes e eliminação de toxinas. Consuma oito porções, divididas nas duas principais refeições. Exemplo: 3 frutas; 2 porções de folhas; 2 xícaras de legumes.

Alimentos que ajudam no combate à celulite

* Coma alimentos crus, que têm muita água e ajudam a eliminar toxinas.
* Beba muita água: quanto mais água você bebe, menos líquidos as células retêm. Além disso, a água auxilia na eliminação de toxinas.
* Beba suco de beterraba crua diariamente, que ajuda o fígado a metabolizar as gorduras acumuladas.
* Coma pepino, um aliado valioso para ajudar os rins a eliminar toxinas.
* Inclua fibras na dieta, que evitam prisão de ventre e retenção de toxinas. As frutas secas e os cereais crus devem ser consumidos porque têm muita proteína, garantindo a elasticidade das fibras que sustentam a pele.
* Uma porção de acelga a cada três dias contribui com a boa circulação.

Alimentos pioram a celulite

* Controle o consumo de café: a cafeína altera a produção hormonal.
* Evite a ingestão de bebidas alcóolicas, pois o álcool incha as células de gordurosas.
* Evite carnes vermelhas gordurosas, que deixam resíduos na circulação.
* Corte frituras, pois todo alimento pode ser consumido cru ou cozido, e representa menos calorias.
* Evite alimentos com conservantes (como enlatados e refrigerantes), que são toxinas para o sistema linfático.
* Diminua o sal, porque o sódio retém líquidos, que provocam inchaço.

Inclua exercícios em sua rotina

A falta de exercício impede o bom funcionamento do sistema linfático, responsável pela eliminação de toxinas do organismo. Se o corpo não se movimenta, o metabolismo fica mais lento, tornando a queima de gordura dentro das células menos eficiente. Segundo o fisiologista Turíbio Leite de Barros, quanto mais tempo o corpo leva para eliminar gorduras, mais chances tem de ficar com toxinas que interferem na oxigenação celular.

* Pratique exercícios físicos com regularidade. Faça atividades aeróbicas de baixo impacto (natação, ciclismo etc.) e evite as de alto impacto (corrida), que podem causar rompimento de pequenos vasos fragilizados pela má circulação local.
* Atividades aeróbicas são fundamentais para queimar os depósitos de gordura e as localizadas, como a musculação, enrijecem os músculos, esticando a pele e tornando os furinhos menos evidentes. Além disso, a prática de exercícios físicos alívia o estresse, que joga adrenalina na corrente sangüínea, sobrecarregando o sistema linfático.
* Quem tem celulite e também está acima do peso não deve sobrecarregar o organismo. Nesse caso, a natação ou a hidroginástica são os exercícios mais indicados, já que, na água, o corpo fica 60% mais leve e o trabalho parece mais suave.
* A postura deve ser uma preocupação constante durante a realização dos exercícios. Quando está incorreta, forçamos determinadas regiões, comprometendo a circulação sangüínea e favorecendo o aparecimento da celulite.
* As atividades anaeróbicas também ajudam a eliminar a celulite, modelando a musculatura e oferecendo maior e melhor sustentação para a pele.

Por fim, se você fuma, deixe de fumar: o cigarro prejudica o sistema circulatório e contamina o sistema linfático com toxinas.

Fontes:

* Revista Claúdia
* Revista Nova Beleza - Especial ABC do Corpo
* Revista Corpo a Corpo
* Revista Marie Claire

Nenhum comentário:

Postar um comentário